Ir para o conteúdo

Município de São Pedro - SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Previsão para Sábado
30° 18°
Município de São Pedro - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Youtube
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
ABR
02
02 ABR 2024
EDUCAÇÃO
200 visualizações
Violão na Escola: Prefeitura leva boa música aos alunos do Ensino Fundamental
Foto Noticia Principal Grande
Os violonistas Welton Nadai e Edson Travaina, do projeto "Violão na Escola"
enviar para um amigo
receba notícias
Dois violonistas do projeto “Violão na Escola” estiveram em São Pedro nesta segunda-feira, 1 de abril, e apresentaram um diversificado repertório musical a 160 crianças do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental.

“O problema não é o que o seu filho ouve, mas o que ele deixa de ouvir”: a partir dessa inquietação do violonista Welton Nadai, surgiu, 12 anos atrás, o projeto “Violão na Escola”, nascido com a missão de levar às crianças e adolescentes um repertório musical mais amplo e de excelência.

Nadai e seu colega, Edson Travaina, estiveram em São Pedro nesta segunda-feira, 1 de abril, nas escolas municipais Benedito Modesto de Paula e Guido Dante (Nape São Dimas), onde apresentaram um diversificado repertório musical a cerca de 160 crianças de 6 a 11 anos, do 1º ao 5º ano do Ensino Fundamental. De Chico Buarque à Pixinguinha, de tango e flamenco ao barroco e baião, passando por grandes mestres, maestrinas e compositores, como Heitor Villa-Lobos, Chiquinha Gonzaga e Johann Sebastian Bach. A iniciativa é uma parceria da Prefeitura de São Pedro, por meio da Secretaria de Educação, e do Instituto Lumiarte, do município de Rio Claro.

“O objetivo é a formação de público, “ambientalizar”, de dar acesso às crianças a canções que desenvolvem um tipo de linguagem que desenvolve a sensibilidade, a capacidade de comunicação, explorando ainda sensações, sentimentos, organização e, em especial, a sensibilidade e interação”, explicou Nadai. “Desde o início do projeto, em 2012, já realizamos sessões de violão a mais de 10 mil crianças e adolescentes. E a reação delas tem sido excelente”, acrescentou.

 

Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia