Ir para o conteúdo

Prefeitura Municipal de São Pedro - SP e os cookies: Nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
OK
Previsão para Quarta-feira
26° 20°
Prefeitura Municipal de São Pedro - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Serviços
Galeria de Imagens
Galerias de Fotos Vinculadas
29/10/2022
Equipes da Prefeitura de São Pedro auxiliam no combate a fogo na serra

Equipes da Prefeitura de São Pedro e do Corpo de Bombeiros atuam desde sábado no combate a um incêndio que atinge a serra de São Pedro, nas proximidades do Parque do Voo Livre Celso Gonçalves da Fonseca. São duas frentes: uma, formada por brigadistas, integrantes da Defesa Civil e funcionários da Prefeitura, está no alto da serra e outra, formada por integrantes do Corpo de Bombeiros, está no bairro Capim Fino, no pé da serra. O helicóptero Águia, da Polícia Militar, foi acionado para auxiliar no combate ao fogo.

No alto da serra, só até às 14h desta segunda-feira, foram utilizados 60 mil litros de água em cinco viagens do caminhão pipa da Prefeitura de São Pedro. O Águia atuou aproximadamente duas horas e realizou 25 lançamentos de água.  Segundo o Tenente Rafael, que estava no helicóptero com o Major Gaspar, a capacidade da caçamba, chamada Bambi Bucket, é de 540 litros.

O Águia é requisitado em incêndios com focos em locais de difícil acesso e íngremes, como é o caso do fogo que atinge a encosta da serra de São Pedro. O Tenente Maycon, que veio de Piracicaba para acompanhar a operação, disse, por volta das 15h30, que o incêndio estava parcialmente controlado. A área estimada atingida pelo fogo é de 20 mil metros quadrados. A primeira análise também indica que a vegetação rasteira é a área mais atingida e a copa das árvores está, aparentemente, preservada.

O Sargento Ricardo Migatta, comandante da base do Corpo de Bombeiros de São Pedro, disse que as duas frentes de combate são importante aliado no combate ao fogo, que tem origem desconhecida. Ele também informou que os primeiros chamados aos bombeiros foram registrados na sexta-feira.

Além dos funcionários e do caminhão-pipa, a Prefeitura auxilia com outros equipamentos no combate ao fogo, como mangueira e abafadores.

ALERTA - Todos os que atuam no combate às chamas são unânimes em alertar que por conta do tempo seco, o fogo se espalha com muita facilidade e por isso todos devem ficar muito atentos para evitar qualquer foco, como fogo em folhas, mato, fogueira ou similares.

 As queimadas geram prejuízos para a saúde de pessoas e de animais. O fogo em mato, lixo, pneu ou qualquer outro tipo de detrito ou objetos causa transtornos e pode causar sérios problemas de saúde. Há também o perigo da queima tornar-se incontrolável e oferecer riscos como destruição de patrimônio e corte de energia, caso atinja os fios de alta tensão.

A legislação municipal prevê a proibição, sob qualquer forma, da realização de queimada nas vias públicas e no interior de imóveis, públicos ou particulares, localizados na zona urbana do Município de São Pedro.

Para os fins da lei, entende-se por queimada a queima de mato ou vegetação, seca ou verde, para fins de limpeza de terrenos em aberto ou de áreas livres localizadas em imóveis edificados; a queima ao ar livre, como forma de descarte, de papel, papelão, madeiras, mobílias, galhos, folhas, lixo, entulhos e outros resíduos sólidos assemelhados; a queima ao ar livre, como forma de descarte de pneus, borrachas, plásticos, resíduos industriais ou outros materiais combustíveis assemelhados, sólidos ou líquidos.  Também é proibida a queimada em terrenos marginais de rodovias, de rios, de lagos ou de matas de quaisquer espécies.

A punição prevista é multa de 20 Ufesps a 50 Ufesps (R$ 530,60 a R$ 1.326,50), valor que pode ser aplicado em dobro se as infrações forem cometidas no horário compreendido entre as 18h de um dia e as 6h do dia seguinte, bem como as cometidas aos sábados, domingos e feriados

Desde o início do ano, a Prefeitura de São Pedro realiza a Operação Corta Fogo com o objetivo de evitar as queimadas. Desde então foram aplicadas 31 multas.

28/02/2020
Carnaval 2020 em São Pedro tem recorde de público no domingo e movimenta comércio

Acisp estima em 20% aumento nas vendas; desfile de blocos levou 15 mil às ruas

Espetacular, maravilhoso, sensacional e organização impecável são alguns dos adjetivos usados em manifestações nas redes sociais para definir o Carnaval 2020 em São Pedro. Sucesso de público, a festa organizada pela Prefeitura de São Pedro aconteceu de sábado a terça-feira e registrou grande público, especialmente no domingo, ponto alto da programação, com o tradicional desfile de blocos que reuniu, segundo as estimativas, 15 mil foliões. 

O movimento de turistas e moradores repercutiu também no comércio, tanto na praça de alimentação montada para o evento quanto no comércio local. A Acisp (Associação Comercial e Industrial de São Pedro) estima em 20% o aumento das vendas neste período.

A chuva prevista para o feriadão foi registrada na segunda e na terça, mas mesmo assim os foliões garantiram presença. A estimativa da Polícia Militar e dos organizadores para as quatro noites e duas matinês é de público de 40 mil pessoas.

A festa começou no sábado, com a bateria da escola de samba Acadêmicos dos Piratas, seguida pelo show da banda Vision, que fez apresentações todos os dias.

A programação preparada pela Prefeitura de São Pedro, por meio da Secretaria de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer teve como tema  “A Realeza vai à praça” e atraiu públicos de perfis variados, como os 26 integrantes das famílias Sotere e Feriani, de São Bernardo. Selma Sotere conta que desde 1994 a família frequenta os Carnavais de São Pedro. “Trouxe meu filho e agora trago meu neto”. No grupo atual, a mais velha é a mãe de Selma, Orian, de 83 anos e o mais novo o neto Noah, de 10 meses.  “Gostamos daqui porque dá para trazer crianças e idosos”. Filho de Selma, Rhenan tem ótimas recordações de outros carnavais e do Hora H, lema que estampa as camisetas do grupo. “Fomos seis vezes campeões de um concurso realizado no clube”, conta o integrante da família que hoje tem chácara de veraneio no bairro Capim Fino.

Os são-pedrenses Eduardo, Manoela, Norma e Maria Eduarda Siloto são fãs da banda que se apresenta no Carnaval e isso se tornou mais um atrativo para participarem do evento. A pequena Maria Eduarda, de 3 anos, usava uma fantasia de sushi na matinê de domingo. “Vi na internet e quis fazer algo diferente” conta a mãe.

BLOCOS - Um dos mais tradicionais eventos do Carnaval de São Pedro, o desfile de blocos atraiu muita gente ao evento de 2020. Sérgio Passos, do Hotel Fazenda São João, que este ano realizou o 27º desfile, informa que 3.000 pessoas participaram. Toda a renda obtida com a venda dos abadas é revertida para a Apae de São Pedro. Também participaram este ano os blocos da ADRS e o Ranchão.

O clima familiar que agrada aos participantes conta com importante reforço da segurança, prioridade no evento. Como acontece todos os anos, foram contratados seguranças particulares e instalado sistema de monitoramento, tudo para garantir a segurança dos foliões, feita também pela Polícia Militar e Guarda Civil Municipal. No domingo, o helicóptero Águia, da PM, também reforçou a segurança.

Na receita do sucesso do evento entram a participação de muitos setores da Prefeitura e detalhes como o decreto que estabeleceu regras, como a proibição de bebidas em garrafas de vidro, uso, porte e comércio de espumas, serpentinas, tinta de cabelo e quaisquer produtos em aerosol (sprays), além do narguilé. Também foi vetado o som paralelo, tudo com o objetivo de garantir o bem estar de todos.

O prefeito Helinho Zanatta agradeceu o empenho de todos na organização do evento. “São vários os setores da Prefeitura que se dedicaram para garantir o bom andamento do evento, como a Vigilância Sanitária, Departamento de Fiscalização, Coordenadoria de Trânsito, secretarias de Obras e Saúde, a Guarda Civil Municipal, Saaesp, elétrica, setores administrativos que cuidam da fase inicial, além, claro, da Secretaria de Turismo. Também tivemos apoio muito importante da Polícia Militar, Conselho Tutelar, Comtur e dos comerciantes. Agradeço por todo trabalho feito em prol da programação e de nossa cidade”, disse.    

A secretária de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, Clarissa Quiararia, destacou também as empresas contratadas. “O trabalho de todos estes terceirizados foi muito importante para o bom andamento do evento, assim como aqueles realizados pelas equipes da Prefeitura. Agradeço a todos os parceiros por este que foi sem dúvida o melhor Carnaval”, disse. Outro ponto ressaltado pela secretária foi a parceria com o Comtur (Conselho Municipal de Turismo), que viabilizou a presença de uma banda itinerante no comércio local. “Os comerciantes receberam muito bem, os cliente interagiram e pudemos divulgar a programação”.

Um diferencial notado no Carnaval 2020 por Juliana Saia, da Oficina de Churrasco, que ofereceu lanches na praça de alimentação montada no evento, foi a presença por um período maior das pessoas que participaram dos desfiles dos blocos, no domingo. “Em outros anos, era mais comum as pessoas irem embora após os desfiles. Neste ano, muita gente ficou”, disse. Ela conta também que muitos de seus clientes elogiaram o evento e perguntaram de outras programações da cidade. “Foram só elogios. Foi espetacular’, definiu. 

     

     

    

    

Seta
Versão do Sistema: 3.2.10 - 11/01/2023
Copyright Instar - 2006-2023. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia