Vacinação contra a febre amarela tem dia ?D? neste sábado

Imunização será na Umis das 8h às 16h; campanha vai até o dia 12 de julho

O “Dia D” de vacinação contra a febre amarela em São Pedro será neste sábado, dia 29. A ação será na Umis, das 8h às 16h. “A imunização é a principal forma de proteger a população contra a febre amarela. Por isso, é imprescindível que todas as pessoas ainda não imunizadas aproveitem essa campanha e tomem a vacina”, alerta a diretora de Imunização da Secretaria Estadual da Saúde, Helena Sato.

Devem consultar o médico sobre a necessidade da vacina os portadores de HIV positivo, pacientes com tratamento quimioterápico concluído e transplantados. Não há indicação de imunização para grávidas, mulheres amamentando crianças com até 6 meses e imunodeprimidos, como pacientes em tratamento quimioterápico, radioterápico ou com corticóides em doses elevadas (como por exemplo Lúpus e Artrite Reumatoide). Em caso de dúvida, é fundamental consultar o médico.

A campanha da Secretaria Estadual de Saúde, em conjunto com os municípios, realiza a imunização até o dia 12 de julho. A dose em São Pedro também é aplicada na Umis e nas UBSs São Dimas, Dorothéa e Bela São Pedro, das 7h30 às 12h e das 13h às 15h30, de segunda a sexta-feira. É importante levar a carteira de vacinação.

 Todo o território do Estado já tem recomendação da vacinação contra a febre amarela, devido à circulação do vírus silvestre. Nos dois últimos anos (2017-2018), mais de 21 milhões de pessoas foram vacinadas contra febre amarela em São Paulo, número três vezes maior que o total de doses aplicadas na década anterior – 7 milhões de pessoas foram imunizadas entre 2006 e 2016.

“Temos trabalhado intensamente, nos últimos três anos, para enfrentar a febre amarela no Estado, por meio de monitoramento dos corredores ecológicos, vigilância epidemiológica e vacinação. Realizamos campanha no último ano e ampliamos a recomendação da vacina para todo o território. Melhorar a cobertura vacinal é fundamental para a prevenção”, explica a diretora do Centro de Vigilância Epidemiológica do Estado, Regiane de Paula.

 

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.