Solenidade no dia 9 de julho terá exposição de objetos e entrega de medalhas

medalhas9dejulho A Prefeitura de São Pedro e a Sociedade de Veteranos de 32 – MMDC preparam novamente a solenidade de homenagem aos combatentes de 9 de julho, data em que se celebra a Revolução e o Soldado Constitucionalista. A cerimônia acontecerá na quinta-feira, dia 9,  no monumento dedicado aos revolucionários, na  praça Adolpho Bonifácio Bragaia atrás do Fórum, e contará com a presença de familiares dos combatentes, além de autoridades da cidade. O início será com um desfile dos integrantes da 3ª Companhia da Polícia Militar e dos atiradores do Tiro de Guerra de São Pedro, acompanhados pela Corporação Musical União Charqueadense, saindo da Praça Matriz às 9h. Algumas novidades serão apresentadas este ano, como uma exposição de objetos e trajes emprestados pelos familiares dos combatentes são-pedrenses e a premiação do concurso de redações organizado pela Secretaria Municipal de Educação, que teve a participação de quase 300 alunos dos quartos anos da rede municipal de ensino. Estarão expostas duas redações selecionadas de cada uma das 10 escolas participantes, e serão premiados os três primeiros classificados dentre todos os participantes. Um dos momentos mais importantes da cerimônia será a entrega da Medalha 9 de Julho a três homenageados pelos serviços prestados à cidade e à memória do Movimento Revolucionário de 1932 – o Capitão Caron, comandante da Polícia Militar de São Pedro; o subtenente Vagner, Chefe de Instrução do TG 02-091 de São Pedro; e a secretária de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, Clarissa Quiararia. Na ocasião também será oficialmente doada ao Museu Gustavo Teixeira uma réplica da matraca usada pelos revolucionários, que poderá ser manuseada pelos presentes e depois será incorporada ao acervo do Museu. “Nossos alunos estudaram esse instrumento usado pelos soldados para intimidar os adversários e estão muito curiosos para saber como ele é, como funciona. Esse será, também, um momento muito rico para eles, que poderão conhecer mais de perto um pedacinho deste importante capítulo da história paulista”, declarou, animada, a professora Maria Aparecida Fracasse, supervisora de ensino do município e integrante do núcleo são-pedrense da Sociedade de Veteranos de 32 – MMDC, que também foi responsável pela organização do Concurso de Redações. A doação da matraca é fruto do empenho do são-pedrense João Francisco de Aguiar, que é também o coordenador da realização do evento e do núcleo de São Pedro da Sociedade de Veteranos de 32 – MMDC. Após a cerimônia, as autoridades e familiares irão prestar homenagem no jazigo do herói revolucionário José Augusto Frota Escobar, nascido em São Pedro e que morreu em combate.
  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.