Senador italiano Fausto Longo fala sobre planejamento estratégico em São Pedro

O senador “ítalo-caipira”, como ele mesmo define, Fausto Longo, esteve na quinta-feira, dia 12, em São Pedro. Conversou com famílias de origem italiana da Estância, vereadores, estudantes, empresários e integrantes do Conselho de Desenvolvimento Econômico que participaram da elaboração da Agenda 25, documento produzido com base no planejamento estratégico que projeta ações para serem desenvolvidas em diversas áreas até 2025 em São Pedro.

A palestra “Pensando a cidade que queremos”, realizada no auditório da Secretaria de Educação foi o primeiro de uma série de encontros que serão realizados nas 24 cidades do Aglomerado Urbano de Piracicaba para abordar a importância do planejamento estratégico.

“O que São Pedro fez (referindo-se à criação da Agenda 25) é o que acontece na Europa: a discussão sobre planejamento estratégico, sobre o futuro da cidade, sempre com a preocupação de entregar para as futuras gerações algo melhor”, disse na conversa com os integrantes do Conselho.

De forma descontraída e com boas tiradas que provocaram risos na plateia, mas sem deixar de enfatizar preocupações e assuntos mais “indigestos”, como corrupção e desemprego no Brasil e na Itália, o primeiro brasileiro a ocupar uma cadeira no Senado falou das diferenças e semelhanças entre os dois países e de sua rotina como senador da República da Itália.

Para ele, a adoção de algumas medidas com base em estudos direcionados pode aumentar a chance de associações e investimentos de empresas italianas na região. “É uma grande oportunidade de negócios. A região pode se tornar celeiro para grandes fundos europeus”, afirmou.

Outro ponto abordado pelo senador que nasceu em Amparo e cresceu em Piracicaba é a importância de colocar em prática as ações discutidas com base no planejamento estratégico. “É preciso assumir a responsabilidade de colocar as medidas em prática, como vem ocorrendo em São Pedro”.

Ao agradecer a presença do senador, o prefeito Helinho Zanatta destacou a honra de recebê-lo e a origem italiana de muitas famílias da cidade que ajudaram a construir São Pedro. Também falou sobre o processo da Agenda 25, que mobilizou representantes de todos os setores de São Pedro para discutir diagnósticos e propostas para levar a cidade rumo ao desenvolvimento sustentável.

PERFIL – Fausto Longo, 64, é arquiteto e urbanista. Nasceu em Amparo, viveu em Piracicaba, trabalhou 18 anos na Fiesp e tomou posse em 2013 como senador na Itália. Foi eleito com aproximadamente 30 mil votos e assumiu uma das duas cadeiras que o Parlamento Italiano oferece aos ítalo-descendentes da América do Sul no Senado italiano. É a primeira vez que um brasileiro que mora no Brasil ocupa o posto.

Hospitalidade de São Pedro foi destacada pelo senador

A hospitalidade com que foi recebido em São Pedro chamou a atenção do senador Fausto Longo. “Estou me sentindo em casa”, disse. Às famílias de descendência italiana, o senador destacou fatos históricos que estimularam a vinda dos italianos para o Brasil e a trajetória de sua própria família.

“A Itália passou por três invernos rigorosos e os camponeses viviam praticamente em situação de miséria. O Brasil, pressionado pela Inglaterra que exigia o fim da escravatura, fez muita propaganda e promessas para atrair os imigrantes”, disse.

Dos 14 milhões de pessoas que deixaram a Itália a partir de 1870 – o que representa 50% da população do país na época – 60% vieram para o Brasil. A chegada ao país não foi como os imigrantes esperavam. “Nossos antepassados sofreram bastante e se dedicaram muito à construção do Brasil”, disse o senador.

Para simbolizar a união entre os povos, o senador entregou aos representantes das famílias italianas de São Pedro um vaso de violeta, flor que representa a amizade.

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.