São Pedro investiu R$ 8,6 milhões na saúde até abril

A atenção básica, assistência hospitalar, suporte profilático e terapêutico,  Vigilância Sanitária e Vigilância Epidemiológica receberam, nos quatro primeiros meses do ano, investimentos de R$ 8,62 milhões do município, o que representa 25,54% das receitas. Os números foram apresentados na audiência pública da saúde realizada na Câmara Municipal na terça-feira, dia 20.

Acompanhada pelos vereadores  Du Sorocaba, Giuliano Antonelli, Branco, Robinho e Gilberto Vieira , a audiência apresentou também outros dados dos primeiros quatro meses do ano e foi realizada em conjunto com a reunião do Conselho Municipal de Saúde, presidido por Carlos Eduardo Quaresma.

A secretária Miriam de Souza Silva e a coordenadora da Vigilância em Saúde, Gislene Nicolau dos Santos, destacaram outros números, como os 2.800 exames de média e alta complexidade realizados entre janeiro e abril e as 63.579 consultas realizadas em todas as unidades da rede municipal de saúde: UBSs São Dimas, Dorotéa, Alpes das Águas, Santo Antonio e Bela São Pedro; Centro de Saúde Bucal, Umis, Caps, UPA  e Santa Casa.

Outro número que chamou a atenção dos participantes foi o de medicamentos  entregues nas farmácias central e das unidades: 1.297.429 itens dispensados a 25.427 pacientes neste período.

A secretária de Saúde explicou aos vereadores que o município criou, em 2016, a Relação Municipal de Medicamentos Essenciais (Remume), com 142 itens. O principal objetivo é oferecer ao profissional opções de receitar ao paciente medicamentos que estão disponíveis na rede do município. “Também elaboramos manuais com os medicamentos disponíveis e outras informações, tudo em busca da melhoria do atendimento”, afirmou a secretária.

VAGAS – Os vereadores também questionaram a secretária sobre a demora na obtenção de algumas vagas para internação. “Mantemos contato constante com o secretário de saúde de Piracicaba, Pedro Mello,  que relatou algumas dificuldades para atender toda a demanda. Também temos dificuldades e estamos em busca constante de soluções”.

A secretária anunciou ainda que o Estado deve liberar em breve recursos para realização de cirurgias de catarata nos municípios, o que vai garantir a retomada deste tipo de cirurgia em São Pedro. “Devemos atender também pacientes de Charqueada, Santa Maria da Serra, Águas de São Pedro e Rio das Pedras”, informou.

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.