Saaesp reforma poços artesianos e reservatórios

O Saaesp (Serviço Autônomo de Água e Esgoto de São Pedro) deu início a obras de reforma e manutenção em seus poços artesianos e reservatórios. Entre as modificações estão o fechamento com alambrado e portão e pintura destes locais. O objetivo principal, explica o diretor-presidente do Saaesp, Thiago Silva, é a preservação do patrimônio público, além de uma ação preventiva contra atos de vandalismo.

Em todos os reservatórios e poços artesianos também foram instaladas placas com informações sobre a restrição de entrada nos locais, permitida apenas a pessoas autorizadas. Nestes locais também serão instaladas câmeras de monitoramento, sempre com o objetivo principal de garantir a segurança.

São Pedro tem hoje 11 poços artesianos e 30 reservatórios que abastecem a cidade. Os poços estão nos bairros Novo Horizonte, Jardim Iália, macuco, Santa Mônica, Santana, Vila Rica, Jardim das Cachoeiras, Nova Estância, Bela São Pedro, Jardim Botânico e Alpes das Águas e os reservatórios estão instalados no Alpes das  Águas, Bela São Pedro, Jardim Botânico, Clube de Campo, Colinas de São Pedro, Horto Florestal, Jardim Itália, Jardim das Cachoeiras, Jamil, Nova Estância, Novo Horizonte, Recanto, Santa Rosa, Santa Mônica, Vila Rica e Santana.

Thiago explica que estas ações atendem também a diretrizes do Ares-PCJ (Agência Reguladora dos Serviços de Saneamento das Bacias dos Rios Piracicaba, Capivai e Jundiaí), que recomenda a identificação destes locais, com restrições ao acesso.

RASTREADOR – Outra mudança implantada este ano no Saaesp é a instalação de rastreadores nos carros e motos da autarquia. Com este equipamento, é possível  acompanhar todos os trajetos percorridos pelos carros oficiais e também reforçar a segurança deste bem público.

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.