Rua José Matarazzo é recapeada

A rua José Matarazzo, no bairro São Tomé, foi recapeada na quinta-feira, 11.  O recape é a última etapa de um trabalho iniciado na via em busca de uma solução para problema de drenagem existente no local. Antes do recape, feito em 590 metros da via, foram instaladas caixas de contenção de água pluvial.

Outra ação realizada na via, neste caso pelo Saaesp (Serviço Autônomo de Água e Esgoto de São Pedro), foi o serviço de drenagem do esgoto para evitar ocorrências de mau cheiro e retorno do esgoto.

“O trabalho de drenagem começou nas proximidades da Escola Aroldo Donizetti, conhecida como escola da jaqueira. Esta parte do recapeamento é o acabamento”, disse o prefeito Helinho Zanatta.

“Esta área do bairro São Tomé e imediações tinha um problema sério de drenagem. Realizamos estas obras, com a instalação da caixa de drenagem,  além de outras melhorias, como a praça do Botânico, muito utilizada pelos moradores como espaço de lazer e que resolvem situações antigas”, disse o secretário de Obras Caio Piedade.

O vice-prefeito e diretor-presidente do Saaesp, Thiago Silva, destacou que as obras foram planejadas em conjunto com a Secretaria de Obras, para que o serviço de recapeamento fosse executado após a instalação das redes de esgoto e drenagem. “Além destas obras,  em outros pontos da cidade acontece a instalação de rede de esgoto que vai garantir todo o ‘caminho’ até a ETE”.

Na lista deste pacote de obras também estão serviço de recape em vários pontos importantes da cidade, como as ruas Valentim Amaral (1.500m),  Vasco Altafim (630m) e Getúlio Vargas (570m),  além da rua João Nunes de Moraes (440m), próxima da lista a ser recapeada. O pacote total prevê 273 mil metros quadrados de recapeamento em toda a cidade.

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.