Prefeitura assina documento de cooperação com instituto coreano

Após a reunião, fizeram uma visita  ao galpão da empresa coreanaGrupo ficou satisfeito com a empresa Prefeito assinou o MOU na reuniãoPrefeito mostra aos coreanos o mapa da área industrialPrefeito e Yong Su Um Um documento assinado na terça-feira pelo prefeito Helinho Zanatta e por Hee Hoon Lee, diretor-geral do Dongnam Institute for Regional Program (IRPE), um instituto coreano de incentivo regional à indústria, oficializou a cooperação e alinhamento de informações para instalação de empresas coreanas no município de São Pedro. O documento chamado de MoU , sigla em inglês para Memorando de Entendimento - o primeiro assinado entre um município brasileiro e o IRPE - cita que o objetivo da cooperação é o desenvolvimento de uma ação mútua internacional entre o Instituto Dongnam e o município de São Pedro. O instituto poderá repassar informações legais e públicas referentes a São Pedro para as empresas coreanas que pretendam se instalar no Brasil, bem como desenvolver novas formas de cooperação entre os entes públicos dos dois países. “É uma vitrine em nível mundial que se abre para São Pedro”, define o prefeito Helinho Zanatta. Ele destaca que o Dongnam Institute representa cerca de 1.500 empresas das 4.000 que fabricam autopeças na Coreia do Sul. Entre as empresas ligadas ao instituto está a Hyundai e a Saedong, fabricante de autopeças coreanas que deve começar a operar em São Pedro no início de 2015. As obras de construção da empresa em área do bairro Bela São Pedro estão em fase de finalização e os equipamentos devem começar a chegar em 30 dias. FOCO NA LIDERANÇA - Desenvolver a competitividade global e liderar o desenvolvimento da indústria nacional e regional por meio de novos motores de crescimento e indústrias-chave por região econômica estão entre as metas do IRPE que também prioriza a criação de indústrias que garantam a preservação dos recursos naturais, além de programas que destacam o desenvolvimento e valorização dos recursos humanos. Outros pontos valorizados pelo instituto são a criação de emprego local e apoio às pequenas e médias empresas e o fortalecimento de elos entre empresas e universidades em busca do desenvolvimento de pesquisas. Com sua estrutura, o instituto está apto a oferecer suporte para fortalecimento do planejamento das empresas associadas e assim melhorar a capacidade de comercialização. O IRPE tem seis frentes pricipais de atuação, que representam, além de empresas do polo automotivo, os setores de alta tecnologia, medicamentos, indústria química, farmacêutica, têxtil e de software e games. Quando visitou a Coreia em julho deste ano, o prefeito Helinho Zanatta, acompanhado pelo coordenador de Desenvolvimento Econômico, Bento Guastalli, apresentou características de São Pedro - como as vantagens logísticas, a qualidade de vida e a localização na rota do desenvolvimento - a empresas da região de Busan e Ulsan interessadas em expandir os negócios. O documento assinado vai estreitar esse contato e pode trazer mais empresas coreanas para São Pedro.
  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.