Parceria entre Prefeitura e Polícia Militar dará agilidade no atendimento ao proprietário rural

“Vizinhança Solidária Rural” terá cadastramento de localização; ação melhorará segurança da área rural

Em reunião em seu gabinete, o prefeito Helinho Zanatta recebeu, na manhã de terça-feira, 4, o capitão da Polícia Militar da 3ª Cia, Ricardo Bessa, o capitão PM Pansonato e o major Golini, representando o tenente coronel Rodrigo do 10º BPMI, além do secretário de Governo, Pedro Aguiar e do coordenador de Monitoramento Municipal, Francisco Guerreiro, para firmar parceria e realizar um sistema integrado no projeto “Vizinhança Solidária Rural”, para a segurança pública da área rural, dando continuidade ao planejamento estratégico de gestão e da Agenda 2025.

“Vamos cadastrar cada propriedade rural que não tenha localização por nome de rua para agilizar a chegada da PM em caso emergencial. O proprietário receberá uma placa de sinalização com um número de identificação que será localizado via GPS”, disse Francisco Guerreiro.

O capitão PM Bessa destacou sobre o tempo de resposta a um chamado. “Para darmos uma resposta rápida a uma solicitação de área rural de difícil acesso, é necessário termos uma localização mais precisa. A identificação por GPS será uma ferramenta importantíssima na agilidade de locomoção da viatura no atendimento ao usuário”.

Além das viaturas, o major Golini afirmou que em alguns casos até o helicóptero Águia pode ser solicitado. “A identificação da propriedade rural irá facilitar até nas ocorrências que forem necessárias o chamamento de equipes de apoio como a Força Tática ou até mesmo pelo ar com o Águia”, garantiu.

“Continuamos trabalhando de forma planejada e seguindo o proposto na Agenda 2025. Depois do georreferenciamento, agora a localização por GPS, por meio de uma rota determinada, dará ainda mais agilidade ao patrulhamento da nossa Guarda Civil Municipal e da Polícia Militar nas ocorrências. O cuidado também tem que ser nessas áreas, o qual temos grandes produtores que abastecem toda nossa região com diversos produtos dentre eles de hortifruti, queijos e leite”, disse o prefeito Helinho Zanatta.

Para receber a identificação de localização, cada proprietário rural deverá, a partir do dia 10 de junho, segunda-feira, até o dia 12 de julho, procurar a Central de Monitoramento, de segunda à sexta-feira, das 12h30 às 17h30, munidos de algum documento com foto (RG ou CNH), CPF, matrícula do imóvel ou documento que comprove a propriedade rural. Será apenas realizado o cadastro ao proprietário do imóvel, mesmo arrendado ou alugado a terceiros. O telefone para mais informações é o (19) 3481-9312 ou comparecer diretamente na Central, na rua Veríssimo Prado, nº5, no mesmo prédio da Coordenadoria de Trânsito e Transporte. Essa ação tem apoio da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, por meio  da Casa de Agricultura em São Pedro. 

 

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.