Nascente Modelo já recebeu 3.500 mudas de árvores nativas

Ação realizada pela Prefeitura de São Pedro e o Projeto Corredor Caipira prevê a implantação de 10 hectares de floresta no município

Aproximadamente 3.500 mudas de árvores de espécies nativas já foram plantadas na área da subcaptação de tratamento de água “Jamil Gomes Leite”, conhecida como Nascente Modelo, no bairro Alpes das Águas. Realizado pela Prefeitura de São Pedro e pelo Projeto Corredor Caipira – coordenado pela Fundação de Estudos Agrários Luiz de Queiroz (Fealq) e patrocinado pela Petrobras – o projeto que prevê a implantação de 10 hectares de floresta no município já conta com 2,3 hectares de área plantada.

De acordo com o coordenador de Meio Ambiente, Rogério Bosqueiro, com apoio de voluntários locais e do grupo do Corredor Caipira, a principal proposta é de transformar o local numa grande vitrine de práticas ecológicas e cuidados com o meio ambiente. “Somente nos últimos 12 meses, por meio de parcerias, plantamos mais de 5 mil árvores em áreas urbanas e para restauração florestal”.

O trabalho voluntário de pessoas como a reflorestadora Gabriele WaltravdBraum é de extrema importância para o projeto. “A minha casa é o mato. Geralmente venho aqui cinco dias da semana, do amanhecer até o anoitecer”, disse Gabriele, ao ressaltar que utiliza cerca de 5 mil litros de água para irrigar as mudas. “Dia sim, dia não, chego bem cedinho para receber o caminhão pipa e começar a molhar cada planta”.

Segundo a engenheira ambiental da Coordenadoria de Meio Ambiente, Paula Souza, a primeira etapa do projeto começou em dezembro, com o plantio de 500 mudas. “Agora chegamos a 3.500 mudas, mas o projeto prevê 10 hectares da APP (Área de Preservação Permanente). E junto com esse trabalho estamos fazendo um estudo da área para transformação de uma Unidade de Conservação (UC), com levantamento florístico e depois das aves”, explicou.

Além de ser uma importante ferramenta de educação ambiental, Rogério Bosqueiro destaca que a criação de uma UC é fundamental para preservação dos ecossistemas, além da promoção de pesquisas cientificas e potencial recreativo para contemplação, recreação e fomento de atividades. “Dentro de uma única área queremos trazer os alunos para viver experiências marcantes relacionadas ao meio ambiente, como uma aglofloresta, trilha para nascente e trilhas interpretativas”, disse.

Publicado em: 18/07/2022 09:55

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.