Laboratório de análises clínicas da Santa Casa será inaugurado neste sábado

DSC_7934 DSC_7930 DSC_7926 (1)

O Hospital Beneficente São Lucas de São Pedro, a Santa Casa, e a Prefeitura do município vão inaugurar neste sábado, às 9h30, o laboratório de análises clínicas da unidade.  Com investimento de aproximadamente R$ 250 mil, a unidade tem capacidade para atender até 100 pessoas por dia e vai agilizar o diagnóstico dos pacientes atendidos no hospital, na UPA (Unidade de Pronto Atendimento) e nas UBSs (Unidades Básica de Saúde) do município.

Responsável técnico pelo laboratório, Nilton Batista Molaro explica que a agilidade no resultado dos exames é um dos principais diferenciais da unidade. “Alguns exames podem ser realizados em até uma hora, fato que deixa o médico mais confiante”, afirma. Com grande experiência na condução de laboratórios em hospitais, Molaro ressalta também que o laboratório da Santa Casa vai funcionar 24 horas por dia, de forma ininterrupta, e que os pacientes, em muitos casos, poderão consultar o resultado pela internet.

Outro ponto destacado por Molaro é que o laboratório possui um equipamento chamado Micro Stans Siemens, usado por grandes hospitais e que permite resultado mais rápido de alguns exames, o que facilita o diagnóstico mais preciso. “É o único laboratório na região que vai fazer os exames no local em que são colhidos”, disse, destacando que o serviço poderá atender também pacientes da região e de convênios médicos.

Há também material específico para sorologia de dengue, com resultado em até uma hora e alguns próprios para detectar certos anticorpos que vão orientar sobre o melhor medicamento a ser prescrito pelo médico.

RECURSOS – Os recursos que garantiram a instalação do laboratório de análises clínicas no Hospital São Lucas são provenientes de pagamentos feitos pela Prefeitura de São Pedro em razão de acordo feito entre a entidade e o município que resultou na compra do prédio e do terreno pela Prefeitura. O acordo estabelece que pagamento seja feito em 10 parcelas anuais de R$ 144 mil e os valores referentes a 2016 e 2017, além do sinal de R$ 240 mil, foram pagos este ano.

“Com o tempo, o laboratório será autossustentável e ainda vai gerar receita que será aplicada na própria Santa Casa”, afirma o prefeito Helinho  Zanatta.

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.