Festa Italiana é aberta com missa e homenagens

[caption id="attachment_4388" align="alignnone" width="300"]festaitalianadecoração Centro de Convenções recebeu decoração especial[/caption] Grupo fez a recepção do evento vestidos como italianosdecoraçao2 [caption id="attachment_4383" align="alignnone" width="300"]As homenagens fizeram parte da abertura da festa Familiares de quatro irmãos da família Veronese receberam as homenagens[/caption] [caption id="attachment_4384" align="alignnone" width="300"]Missa especial aconteceu na abertura do evento Missa foi celebrada pelo monsenhor Boteon e padre Antônio Carlos[/caption] [caption id="attachment_4385" align="alignnone" width="300"]Prefeito fez uso da palavra Prefeito Helinho Zanatta falou sobre o resgate da Festa Italiana[/caption] As pessoas compareceram e prestigiaram o evento em sua abertura     Festa Italiana - Ponto do Trenzinho Uma missa celebrada pelo monsenhor José Boteon e pelo padre Antonio Carlos marcou na quinta-feira, dia 9, a abertura oficial da 8ª Festa Italiana de São Pedro. Realizada pelo Fundo Social de Solidariedade e organizada pela Secretaria de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, a Festa acontece até dia 12 de outubro, no Centro de Convenções “Jacintho José Fávaro”.   Com a presença do prefeito Helinho Zanatta, do vice-prefeito Thiago Silva, e dos vereadores Cássio Capellari,  Carlos Eduardo Oliveira, o Du Sorocaba,Antonio Benedito Ferraz de Toledo, o Toninho da Sorveteria, Mario de Barros e Ivan  Teixeira,  o monsenhor Boteon reforçou a importância da fé das pessoas que deram início a São Pedro e do trabalho dos imigrantes que ajudaram a construir a história da cidade. “É importante recordar das pessoas que fizeram a base da caminhada de cada um de nós”, afirmou. Antes da bênção final, familiares de quatro irmãos Veronese, Napoleão, Carlos, Cesário e Ferrúcio, foram homenageados. Vindos da Itália, os irmãos chegaram entre os anos de 1890 e 1900 e foram peças-chave na criação da comunidade de Santo Antonio no Alto da Serra e também da igreja que tem o santo como padroeiro.   Emocionada com a homenagem, Leontina Veronese, 85, filha de Napoleão, contou que seu pai foi um dos primeiros a chegar da Itália a esta região. Ele teve fazenda de café e doou o terreno de um alqueire onde hoje está instalada a igreja de Santo Antonio, no alto da serra. “Foi muito bonita esta lembrança”, afirmou.   A secretária de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer, Clarissa Quiararia, lembrou que a festa, uma das mais tradicionais da cidade, foi retomada com a intenção de agradar moradores e turistas, oferecer o melhor da gastronomia e cultura italiana, apresentações culturais e artísticas, além de exposição de fotos e objetos antigos que marcam a contribuição dos italianos para o desenvolvimento da cidade. “É uma festa feita com muito carinho”, declarou.   “É importante agradecer aqueles que lá atrás começaram a plantar os frutos da nossa cidade”, destacou o prefeito Helinho Zanatta em sua fala na abertura do evento. Para ele, é importante que cada um dê exemplo e contribua cada vez mais para o bem da cidade. O prefeito afirmou também que a festa está sendo retomada e que o objetivo é melhorar cada vez mais, com o crescimento gradual de sua estrutura.   A festa acontece no Centro de Convenções com ambiente totalmente decorado e climatizado.O espaço terá, além da praça de alimentação e dos shows, estacionamento com seguranças e um trenzinho que fará o transporte gratuito ligando as praças Santa Cruz e Matriz ao evento. As entidades sociais estão encarregadas da praça de alimentação que terá um cardápio variado, com os mais tradicionais pratos da cozinha italiana e, claro, um bom vinho para acompanhar. Estarão presentes o Fundo Social de Solidariedade, o Rotary Clube de São Pedro, a Apae, as paróquias São Pedro e São José, o Moto Clube Rota 304, e algumas famílias tradicionais da cidade, como os Marchezi, Franzin, Bongiovanni e Feltrin. A programação tem ainda shows e apresentações, com diversos cantores, bandas, grupos tradicionais folclóricos, corais, danças e teatro. O público poderá curtir também o “Cantinho da Memória”, exposição que está sendo montada para contar um pouco da história da Imigração Italiana na região e das famílias italianas da nossa cidade. Descendentes de italianos poderão também tirar dúvidas sobre documentação para obtenção da cidadania italiana com a equipe da D’Italia Cidadania.   Serviço: 8ª Festa Italiana da Estância Turística de São Pedro Quando: de 9 a 12 de outubro de 2014 Horários: 9/10 – a partir das 19h 10/10 – a partir das 19h 11/10 – a partir das 11h 12/10 – a partir das 10h Onde: Centro de Convenções de São Pedro (Centro de Convenções Jacintho José Fávaro) Informações: turismo@saopedro.sp.gov.br   Programação: Sexta-10/10 20h – “Lolipop” e “Free Pass”  - Academia Galpão 20h30 – Música Itinerante - Assaí Jazz Band 21h – “Os Imigrantes”- Salve! Companhia de Teatro 22h – Show Musical com Tony Angeli Sábado- 11/10 12h – “ Uma Tarantella” – Cras São Dimas 12h30 – Show Musical com Rayana 19h- Música Itinerante - Russo Jazz Band 19h30 – “Fitness Italiano” – Academia Vida Fitness 21h – Grupo Santa Olímpia de Danças 22h – Banda Nostalgia Domingo-12/10 10h – Missa em louvor de Nossa Senhora Aparecida 11h – Coral “Associação Italiana Giuseppe Verdi” 12h – “Os Imigrantes”- Salve! Companhia de Teatro 13h – The Downtowns 17h – Encerramento – “Tarantella” – Academia Apollo  
  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.