Falta de chuvas preocupa e exige economia no consumo de água

A falta de chuvas em 2021 é motivo de preocupação e provocou a emissão de um alerta de emergência hídrica para o período de junho a setembro em cinco estados brasileiros, incluindo São Paulo. Nesta região, a situação é classificada como severa e a previsão é de pouco volume de chuvas para estes meses. O último período chuvoso, que acabou em abril deste ano, foi o mais seco em 91 anos.

Em São Pedro, a situação também é preocupante. Antes do pequeno volume de 2,25 milímetros registrado na madrugada do dia 17 de julho, a cidade ficou 26 dias sem nenhum registro de chuvas. Em junho deste ano foram apenas 33,75 milímetros.

Esses dados geram preocupação em relação ao abastecimento de água. “Foram feitos muitos investimentos para garantir que a água chegue com qualidade a todos os bairros, mas se faltar água nos mananciais, a situação se complica”, disse o diretor-presidente do Saaesp, Giovane Genezelli.

Para alertar os consumidores sobre a importância de não desperdiçar água em um momento crítico como esse, o Saaesp (Seviço Autônomo de Água e Esgoto de São Pedro) faz campanha de alerta para a população de forma racional e apenas para ações que são realmente essenciais

Para reduzir o consumo, ações simples geram bons resultados, como por exemplo, fechar a torneira enquanto se escova os dentes, medida que garante economia de 11 litros de água; usar um balde e não a mangueira para lavar o carro, ação que representa economia de 560 litros de água; uso de vassoura e não de mangueira para limpar calçadas e áreas externas, conserto de vazamentos, banho rápido e descarte de lixo nos locais corretos.

Publicado em: 22/07/2021 18:15

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.