Estudo mostra que ensino superior valoriza salário em 140%

Inscrições para vestibular do polo da Univesp em São Pedro podem ser feitas até o dia 5 de janeiro

Ter um diploma universitário faz diferença não apenas na busca por um emprego, mas principalmente no salário do trabalhador. Pesquisa realizada pela Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) mostra que no Brasil, a disparidade de renda entre os que completam o ensino superior e quem não cursou uma faculdade chega a 140%.

O estudo “Um Olhar sobre a Educação” (“Education at a Glance”) compara dados educacionais entre 34 países que integram a organização, além de 11 nações parceiras, como o Brasil, Argentina e China.

Em São Pedro, a implantação do polo da Univesp (Universidade Virtual de São Paulo),  instituição pública e gratuita, credenciada pelo Conselho Estadual de Educação e pelo Ministério da Educação, oferece a chance do curso superior nas áreas de Engenharia da Computação, Pedagogia e Superior de Tecnologia em Gestão Pública já a partir do próximo ano.

SEGURANÇA – Ao avaliar o estudo, o pesquisador da área de Economia Aplicada da Fundação Getúlio Vargas, Fernando de Holanda Barbosa Filho, destaca que os números mostram que, no Brasil, curso superior significa maior chance de inserção no mercado. “A partir do momento em que a pessoa completa a escola, o desemprego já começa a cair. Além disso, a faculdade vai aumentar a qualificação e ajudar a aumentar o salário”, afirma.

No geral, conforme o estudo, pessoas com diploma universitário têm uma vantagem de 10% na hora de procurar emprego e mais facilidade de recuperação em época de crise.

Além da chance de crescer na empresa, ir atrás de uma nova oportunidade ou tentar um concurso público, muitos estudantes buscam o ensino superior para se tornarem, no futuro, empreendedores.

O conhecimento adquirido na faculdade vai muito além do acadêmico e do profissional: é também uma oportunidade para crescer pessoalmente. Ter de lidar com prazos, novas responsabilidades e conviver com muitas pessoas diferentes serão aprendizados para a vida.

CURSOS - O curso de Pedagogia, com duração de 4 anos, forma profissionais para    atuar em instituições educativas, na Educação Infantil, nos anos iniciais do Ensino Fundamental,  na Educação Especial e na gestão pedagógica e educacional. Além disso, também qualifica o profissional para atuar em instituições não-escolares e não formais. As aulas para este curso serão às segundas-feiras.

O curso de Engenharia de Computação, com duração de 5 anos, forma profissionais para atuar na área e desenvolver, entre outras atividades: análise, planejamento e desenvolvimento de sistemas computacionais centralizados e distribuídos, sistemas embarcados, desenvolvimento e uso de tecnologias de comunicação, engenharia da informação, sistemas multimídia e hipermídia, redes de computadores, bem como gestão de sistemas industriais e comerciais e de empresas de computação. Para este curso, as aulas serão às quartas-feiras.

Já o curso superior de Tecnologia em Gestão Pública, com duração de 3 anos, forma o profissional para planejar, implementar, supervisionar e avaliar projetos e programas de políticas públicas voltados para o desenvolvimento local e regional. Prepara também para aplicar metodologias inovadoras de gestão, baseadas nos princípios de administração pública. As aulas serão realizadas às sextas-feiras.

Nos cursos da Univesp, os alunos são acompanhados por um tutor virtual durante o curso e comparecerão, no período noturno, ao polo presencial – que em São Pedro vai funcionar na Emeb Benedito Modesto de Paula, para realizar as provas ou as atividades em grupo, quando solicitadas pelo tutor.

O principal objetivo da Univesp é a formação superior pela oferta de cursos na modalidade a distância, democratizando esse nível de ensino com qualidade e gratuidade.

Em São Pedro, serão oferecidas 50 vagas para cada curso. O edital completo da Univesp pode ser consultado no site www.univesp.br

 As inscrições para o vestibular da Univesp 2018 podem ser feitas somente on line até o dia 5 de janeiro. A taxa de inscrição é de R$ 47,88 e as provas serão realizadas no dia 21 de janeiro.

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.