Encontro divulga dados da agricultura familiar

imagemG_3781_2820 imagemG_3782_2820 imagemG_3779_2820 imagemG_3780_2820 Na última quarta-feira, 4, no Museu Gustavo Teixeira, cerca de 80 produtores rurais participaram do café da manhã oferecido pela Casa da Agricultura de São Pedro, com apoio das agências do Banco do Brasil de São Pedro, Águas de São Pedro e Santa Maria da Serra. Além de conhecer as principais vantagens do Plano Safra Agrícola 2013 e 2014, os convidados tiveram acesso a dados da agricultura familiar e conferiram uma exposições de tratores e equipamentos do ramo agrícola. Segundo informações dadas pelo engenheiro agrônomo Leandro Biral, responsável pela Casa da Agricultura de São Pedro, atualmente o município conta com 955 propriedades rurais. Dessas, 705 são ativas e 199 vivem da agricultura familiar. “Além disso, dos 147 produtores que possuem a Daps (Declaração de Aptidão ao Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar – Pronaf), 49 utilizam os créditos disponíveis”, disse, ao ressaltar que a soma dos créditos usados por essas famílias gira em torno de R$ 890 mil. No caso da cidade de Santa Maria da Serra, Biral informou que são 258 propriedades rurais e 245 ativas. “Nesta região, que também conta com famílias de pescadores, temos 80 produtores de agricultura familiar. Dessas, 34 buscaram créditos no Pronaf, o que soma R$ 558 mil”. INVESTIMENTO. Durante o evento, o prefeito Helinho Zanatta falou sobre a parceria que a Prefeitura tem com os produtores do alto da serra. Atualmente, 30% dos produtos comprados para merenda escolar da rede pública são do próprio município. “Por meio do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), até o mês de agosto, o município investiu cerca de R$ 90 mil na agricultura familiar”, disse o prefeito. Foram R$ 29.846,24 em leite pasteurizado, R$ 32.620,33 em hortifruti, e R$ 26.379,00 na aquisição de iogurte. O diretor da Coordenadoria de Assistência Técnica Integral (Cati) Regional de Piracicaba, Sérgio Rocha Lima Diehl, disse que São Pedro é uma das principais cidades com oportunidades em áreas da agricultura. “A Cati está diretamente ligada à Secretaria de Agricultura do Ministério. Em São Pedro, por meio do Banco Mundial, investimos cerca de R$ 350 mil na sede da cooperativa e, em parceria com a prefeitura, teremos mais R$ 350 mil para consertar algumas estradas rurais”, Com investimento de aproximadamente R$ 61,5 bilhões em crédito rural no Brasil, e cerca de R$ 11,9 bilhões no Estado de São Paulo, o gerente do Banco do Brasil de uma agência de São Pedro, Washington Granato, apresentou diversas opções de créditos para investimentos agropecuários, custeio, comercialização de produtos e também para aquisição de máquinas.
  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.