Emeb Professor Benedito Modesto de Paulo celebra 40 anos

Os 40 anos da Emeb Professor Benedito Modesto de Paula foram celebrados em solenidade realizada no dia 30 de abril, com a presença da secretária de Educação, Cléia Maria da Luz Rivero, do secretário de Governo, Pedro Luís de Aguiar, representante do Poder Executivo, além de outros integrantes da Educação do Município. Também participou do evento Paulo Rinaldo Marchese, diretor da Escola na sua criação e que por 20 anos esteve à frente dessa unidade escolar, uma das 19 da rede municipal de ensino de São Pedro.

A solenidade foi acompanhada também pelo corpo docente atual, funcionários e muitos ex-alunos, entre eles o vereador Carlos Eduardo de Oliveira, o Du Sorocaba, que em sua fala relembrou momentos marcantes para sua vida, bem como o início da escolaridade de todos os seus irmãos. Cristina, Mônica e Benedito Modesto Junior, filhos do patrono, também marcaram presença.

Fez uso da palavra o ex-diretor e atual supervisor de ensino da rede, Luis Fernando Bachur de Carvalho, que discorreu sobre o crescimento do alunado da Emeb Professor Benedito Modesto de Paula e a peculiaridade da escola que teve início para atender estudantes oriundos do primeiro núcleo habitacional de São Pedro.

Em sua fala, a secretária de Educação Cleia Rivero , relembrou a trajetória da Escola em seus 40 anos, destacando que a escola, também conhecido por “Escola do BNH”, ganhou esta  denominação por estar plantada no primeiro Núcleo Habitacional de São Pedro.

A escola até hoje, lembrou a secretária, por muitos é chamada de popularmente de BNH, principalmente pelos moradores mais antigos dos bairros circunvizinhos ao Jardim Dr. Cássio Paschoal Padovani.

Cleia disse também que a Emeb firma-se hoje no contexto educacional de São Pedro ao atender um total de 540 alunos do 1º ao 9º ano em dois períodos, além de manter em sua estrutura o polo da Univesp, universidade virtual criada pelo governo do Estado e instalada em 2018, preparando graduandos nos cursos de Pedagogia, Ciência da Computação e Gestão Pública.

Ao citar o patrono, a secretária de Educação, destacou que o professor, filho de tradicional família são-pedrense , tão logo formou-se professor, iniciou seu trabalho na zona rural, destacando-se como pessoa íntegra, responsável e muito querida. Quando passou a atuar na zona urbana, além de professor, foi  diretor interino do então Grupo Escolar Gustavo Teixeira, hoje Emeb Gustavo Teixeira. “Por seus relevantes serviços prestados à educação são-pedrense, merecidamente coube-lhe a honra de emprestar seu nome a escola que hoje comemoramos mais um ano de existência”, afirmou.

A secretária mencionou ainda a atuação de Paulo Marchese, ex-diretor da escola e Luis Fernando Bachur de Carvalho, que ficou na diretoria da escola até o final de 2018, quando passou a ocupar o cargo de supervisor de ensino na Secretaria de Educação, além de parabenizar toda a equipe que atua hoje na escola. “Vamos juntos lutar para que todo o nosso esforço já iniciado junto aos nossos alunos seja o nosso trunfo maior, com a ajuda de Deus”, concluiu a secretária municipal.

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.