'Dia D' de vacinação contra a gripe será no dia 4 de maio

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe terá seu “Dia D” no dia 4 de maio, sábado, quando várias unidades vão atender em horário especial. Neste dia, os grupos prioritários determinados pelo Ministério da Saúde podem receber a dose: crianças de seis meses a menores de 6 anos, gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, indivíduos a partir de 60 anos, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (com apresentação da prescrição médica no ato da vacinação).

A meta é vacinar 8.846 pessoas em São Pedro durante toda a campanha. Até o dia 24 foram aplicadas 1.977 doses. A Secretaria de Saúde e Desenvolvimento Social informa que as doses serão oferecidas no Dia D em postos fixos na Umis  e na UBS São Dimas (das 8h às 17h), na Unibasa (das 9h às 15h), nas UBSs Alpes das Águas, Bela São Pedro e Dorothea (8h às 16h), no Hospital São Lucas (8h às 16h) e na Feirinha do Produtor (8h às 12h), além de pontos na Zona Rural: Emeb Celso Silveira Mello (8h30 às 9h45); em frente à Emeb Maria Amélia Pimentel (10h às 11h30); ponto de ônibus do bairro Giocondo (das 13h às 14h) e portaria do Condomínio Serra Verde (14h30 ás 15h30).  

De segunda a sexta-feira, a vacinação acontece em todas as unidades básicas de saúde, com exceção da Unibasa, localizada no alto da serra, das 7h30 às 12h e das 13h às 15h30. Durante a campanha também serão atualizadas as vacinas previstas no calendário anual de vacinação.

A vacina contra a gripe é considerada pelo Ministério da Saúde uma das medidas mais eficazes para a prevenção da doença e suas complicações. As doses oferecidas são trivalentes e seguem composição determinada pela Organização Mundial da Saúde.

A campanha se concentra neste período do ano porque a queda das temperaturas no outono e no inverno tende a aumentar as aglomerações de pessoas em lugares fechados e sem ventilação. São maiores também os riscos de se pegar a doença, pois a contaminação ocorre principalmente por meio do contato com outras pessoas doentes.

A gripe diminui a imunidade da pessoa e pode levar a infecções virais ou bacterianas. Em casos extremos, pode levar à morte.

A vacina usada na campanha é produzida pelo Instituto Butantan, que neste ano disponibilizou 64 milhões de doses ao Ministério da Saúde. A vacina de 2019 irá prevenir a população alvo contra o vírus Influenza dos tipos A (H1N1), A (H3N2) e B.

 

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.