Coordenadoria do Meio Ambiente oferece oficina gratuita sobre abelhas nativas

Na ocasião, participantes aprenderão a fazer a própria isca de abelha

A Coordenadoria do Meio Ambiente realiza no dia 11 de março, sexta-feira, oficina gratuita de abelhas nativas no Parque Ecológico Ernesto Baltieri, às 14h. Na ocasião, os participantes receberão informações sobre esses insetos e aprenderão a fazer a própria isca de abelha. Interessados devem fazer inscrição no link  https://forms.gle/Fx6nWdq6k4N1SPdv9. As vagas são limitadas. A atividade acontece em parceria com a Esalq (Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz - USP).

Com duração de aproximadamente 1h30, a oficina será ministrada pelo estudante de agronomia Gabriel Galvani. Ele abordará o quanto os meliponíneos, que são as abelhas sem ferrão, são polinizadoras fundamentais para a manutenção da vegetação natural e perpetuação de muitas espécies nativas, além da saúde de culturas agrícolas.

“De duas entre três plantas cultivadas no mundo dependem de polinizadores, como as abelhas e outros insetos, para produzir flores e frutos. As abelhas são de extrema importância para a nossa sociedade e, às vezes, por serem tão pequenas, as pessoas não se dão conta do quanto elas estão presentes na nossa vida”, comentou o coordenador de Meio Ambiente, Rogério Bosqueiro.

ISCAS - Para a produção das iscas de abelhas, os interessados devem comparecer à oficina com uma garrafa pet, jornal/papelão, barbante e três sacolas plásticas.

SERVIÇO - Oficina gratuita de abelhas nativas. Dia 11 de março, às 14h, no Parque Ecológico Ernesto Baltieri (rua Ademir Bontorim, 81). Inscrições: https://forms.gle/Fx6nWdq6k4N1SPdv9. Mais informações: (19) 3481-9260.

Publicado em: 03/03/2022 17:48

  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.