Vigilância reforça ações de prevenção após caso de raiva em morcego na região

1 2 3 4   Em alerta após o registro de um caso de raiva em morcego em Piracicaba e outro em Santa Maria da Serra, a Vigilância Epidemiológica de São Pedro reforçou as ações de prevenção contra a ocorrência da doença no município. As ações são feitas em conjunto com o EDA (Escritório de Defesa Agropecuária), órgão responsável no Estado pela vigilância e controle da população de morcegos herbívoros, que podem transmitir a raiva, para evitar novos casos da doença. A Vigilância em Saúde de São Pedro tem cadastrado 20 locais onde há concentração de morcegos e anualmente faz este acompanhamento para eliminação de focos de transmissão. “Precisamos da colaboração da população que possui propriedades, geralmente rurais, próximos das grutas de moradia (colônias) dos morcegos, para que nos avisem. Com isso, conseguimos pedir apoio do Estado para combater a transmissão da raiva. Outro ponto importante é vacinar cães, gatos e rebanhos de gado, justamente para prevenir a doença”, destacou a enfermeira responsável da Vigilância em Saúde de São Pedro, Gislene Nicolau dos Santos. O trabalho de prevenção e controle da raiva em herbívoros é de competência do Estado, por meio do EDA. Porém, a Secretaria de Saúde tem auxiliado nos trabalhos de coleta de amostras para diagnóstico, mapeamento dos locais de ocorrência, orientação aos produtores e pesquisa de abrigos de morcegos hematófagos. A equipe do EDA esteve em São Pedro fazendo este trabalho em conjunto com a Prefeitura por duas vezes no ano passado. A última visita ocorreu no mês de agosto. A equipe de captura vai até uma colônia, verifica se ainda existem morcegos e em caso positivo, usa uma pasta que faz com que os animais morram por hemorragia em um prazo de cinco dias. Algumas colônias podem chegar a mais de 100 animais. Em 2014, São Pedro registrou aproximadamente 300 animais capturados. CASOS – O primeiro caso em São Pedro foi diagnosticado em 2012 em um bezerro de proprietários de terra no Alto da Serra. Em 2014, a Prefeitura de São Pedro registrou nove casos de raiva. As pessoas que tiverem dúvidas sobre a infecção de algum animal ou desconfiarem de alguma colônia de morcegos, podem entrar em contato com a Vigilância em Saúde de São Pedro pelo telefone (19) 3481-9370.  
  • Publicar no Facebook
  • Publique um Tweet no Twitter
  • Enviar por e-mail
  • Copiar URL curta
  • Imprimir
  • Comunicar erros
VLibras botão
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo da Prefeitura de São Pedro pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.